Bairrista, a nova churrasqueira moderna que se preocupa com o ambiente

Bairrista, a nova churrasqueira moderna que se preocupa com o ambiente

Bairrista, a nova churrasqueira moderna que se preocupa com o ambiente

Artigo de Redação

Frango assado é um prato que todo o português adora ter à mesa! Seja em dias de festa, ao fim de semana, num dia de jogo de futebol ou simplesmente porque apetece, o frango assado é parte integrante da nossa cultura gastronómica.

Foi com base nessa premissa que surge agora o Bairrista, a típica churrasqueira de bairro completamente modernizada, com 24 lugares sentados, take away inovador sem utilização de plásticos e alumínios e opção de entrega em casa num raio de 2 kms em redor do restaurante, situado no Lumiar, em Lisboa.

“Embora não tenhamos fugido do típico frango assado, inovámos na forma como damos várias opções ao cliente quer em termos de variedade de molhos, quer em termos de variedade de batatas e saladas, onde fomos buscar as várias tradições portuguesas”, explica Ricardo Teixeira, o proprietário do espaço.

As batatas podem ser fritas em palitos, em rodelas e existe também a batata a murro, que aliada ao frango assado é típica em algumas zonas do país. Além disso, pode optar pela batata doce frita em palitos, já um best seller do Bairrista. Em termos de molhos, há o molho de leitão para acompanhar o frango, pois liga muito bem com os assados; o molho picante que não é comprado, é feito no local com pimenta da terra dos Açores e o molho Bairrista, uma receita antiga do Algarve que mistura tangerina com orégãos. Há ainda os mais tradicionais: molho d’alho e molho clássico, para quem gosta de sabores menos “exóticos”. Em termos de pratos, pode ainda provar o Frango à Brás e o Frango à Passarinho.

Relativamente às saladas, têm a típica salada alentejana com coentros, orégãos e pepino, o vinagrete de frango e a salada Caesar. Existe também a opção vegetariana da salada Caesar, que utiliza tofu em vez de frango. Para dias mais frios, não vai resistir à deliciosa canja, com massa e hortelã.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Bairrista (@bairrista.pt) a

O Bairrista preocupa-se com o ambiente

No Bairrista, o balcão é revestido com mármore de Estremoz e na base foram usados cerca de 188 troncos de madeira freixo. Os candeeiros, que parecem cestas de ovos gigantes, foram mandados fazer à medida, de propósito para o Bairrista. A garrafeira foi outra das grandes preocupações do proprietário e tem mais de 33 referências, podendo encontrar champanhe Moët&Chandon, vinho branco, rosé e tinto, desde Callabriga a Papa Figos, Quinta dos Carvalhais Encruzado e Catarina, entre muitos outros.

No que diz respeito a inovação e preocupação ambiental nas embalagens, o Bairrista desenvolveu uma linha própria de take away, sem recurso a plástico e alumínio, que só usa papel e cartão e “a caixa é tão resistente que o cliente pode usá-la várias vezes para vir buscar frango”, assegura o proprietário. O branding e o packaging foram desenvolvidos em conjunto com a agência 9, que criou um universo de marca repleto de proximidade, apesar da modernização do negócio, inovação e sustentabilidade dos materiais utilizados.

Partilhar Artigo

Top