Irriverente, o restaurante que nasce da paixão de mãe e filha pela cozinha italiana

Irriverente, o restaurante que nasce da paixão de mãe e filha pela cozinha italiana

Irriverente, o restaurante que nasce da paixão de mãe e filha pela cozinha italiana

Artigo de Redação

Nasceu da paixão de mãe e filha pela cozinha italiana e da vontade de fazer a diferença pela incorporação de influências portugueses. O restaurante “Irriverente” abriu as portas no número 88 da Rua da Boavista, no Cais do Sodré, Lisboa, num edifício histórico que começou por ser o Palácio Marquês de Sampaio.

É bem no centro do movimentado eixo Santos-Cais do Sodré que se situa o recém aberto restaurante “Irriverente”. Aqui, a cozinha italiana mistura-se com muitas influências portuguesas, materializando o sonho de mãe e filha. A primeira, Eunice Gonçalves, foi Presidente da Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril e a segunda, Catarina Nagy Morais, juntou a determinação conquistada nas competições de ràgubei com a vontade de liderar um projeto de família.

Depois de alguns meses à procura do espaço ideal, a solução apareceu lá para os lados do Conde Barão, no conhecido edifício Transboavista, que começou por ser, em 1712, o Palácio Marquês de Sampaio. Com uma área de 300 metros quadrados e capacidade para 90 lugares sentados, o restaurante está localizado no número 88 da Rua da Boavista.

Tendo como ponto de partida os grandes clássicos da cozinha italiana, a diferença faz-se desde logo nos ingredientes, com os produtos portugueses a ganharem um lugar de destaque. Além dos sabores originais, a carta destaca-se por um desfile de novas formas e cores.

A massa das pizzas do Irriverente tem um ingrediente secreto

No Irriverente a massa das pizzas é elaborada a partir de uma mistura de farinha 00, levedura natural e um ingrediente secreto. Antes disso há ainda lugar para uma pré-fermentação a temperatura controlada. O resultado é uma massa fina e crocante que chega à mesa com uma forma quadrada. Além das Pizzas, destaque para as focaccias e bruschettas, pastas frescas caseiras e ainda para os cremosos risottos.

Assumindo-se como um restaurante inclusivo, há na carta uma atenção especial a todos os vegetarianos e veganos, com opções especiais para cada momento da refeição ou para um simples snack. Paralelamente ao restaurante, o bar apresenta uma carta que combina clássicos com cocktails exclusivos (happy hour entre as 18h e as 19h).

< >

Partilhar Artigo

Top