Amares, terra de mosteiros, termas e uma das mais bonitas praias fluviais de Portugal

Amares, terra de mosteiros, termas e uma das mais bonitas praias fluviais de Portugal

Amares, terra de mosteiros, termas e uma das mais bonitas praias fluviais de Portugal

Artigo de André Cruz Martins 22-02-2020

22-02-2020


Braga, Guimarães ou o Gerês são destinos que a maior parte das pessoas associa imediatamente ao Minho. Mas existem localidades mais pequenas que merecem igualmente uma visita. Nomeadamente Amares, concelho do distrito de Braga, entre os rios Homem e Cávado.

Ali pode apreciar lindas paisagens e observar relevante património cultural, especialmente de índole religioso. E se for apreciador de vinhos, vai ficar satisfeito, pois fica na famosa região de Vinhos Verdes. Um bom local para fazer uma prova de vinhos é a Quinta D’Amares.

Património histórico religioso

Amares possui importante património histórico religioso. É impossível não mencionar o Mosteiro de Santo André de Rendufe, que foi uma das principais casas beneditinas entre os séculos XII e XIV. A igreja atual data do início do século XVIII e destaca-se pela valiosa talha dourada, em estilo rococó. Por essa altura foram ainda acrescentados o claustro e a biblioteca. Em 2016, o mosteiro integrou o “Programa Revive”. Este é um projeto do Estado português que prevê a abertura do património ao investimento privado para o desenvolvimento de projetos turísticos.

Leia ainda: Quinta da Pacheca, a experiência de passar uma noite numa pipa de vinho

Não deixe ainda de visitar o Mosteiro de Santa Maria do Bouro. Não se sabe a data exata da sua construção, mas terá sido por volta dos primórdios da Nação portuguesa, ou seja, no século XII. Foi sofrendo importantes remodelações ao longo dos séculos, mas sempre mantendo o seu modelo de igreja de três naves de cabeceira tripartida, de planta retangular. E com os edifícios conventuais estruturados em função dos claustros. A parte do convento funciona nos dias de hoje como Pousada de Portugal.

As termas de Caldelas e a Geira Romana

Quando estiver por Amares, pode aproveitar para visitar as Termas de Caldelas, uma das mais famosas de Portugal. As suas águas possuem qualidades medicinais e são exploradas já desde os tempos de ocupação Romana. No entanto, não precisa de ter um problema de saúde para as frequentar, podendo fazê-lo unicamente com intuito recreativo.

Veja também: Ponte de Lima, a vila histórica minhota que tem mesmo de conhecer

Outro bom programa em Amares é caminhar sobre pedras da Era Romana, na Geira. Trata-se de uma via romana com mais de 2 mil anos que ligava Bracara Augusta (atual Braga) a Asturica Augusta (atual Astorga). Nesses tempos longínquos, estas eram as capitais do Noroeste da Península Ibérica. E parte dessa via fica em Amares, entre Paredes Secas e Seramil.

Uma bonita praia fluvial e a deliciosa gastronomia

Se o clima nesta sua visita ao concelho de Amares o permitir, pode dar uma saltada à praia fluvial de Adaúfe. É considerada uma das mais bonitas do país e destaca-se pelo amplo relvado. É banhada pelo rio Cávado. O Minho também é famoso pela deliciosa gastronomia. Em Amares sugerimos o restaurante O Recanto da Minhota. Aqui pode experimentar pratos como Bacalhau com Broa, Polvo à Lagareiro e Vitela Barrosã.

Percorra a galeria e veja mais fotos de Amares.

< >

Partilhar Artigo

Top