O melhor de Mação, entre serras, nascentes e muita história

O melhor de Mação, entre serras, nascentes e muita história

O melhor de Mação, entre serras, nascentes e muita história

Artigo de André Cruz Martins

Mação, vila portuguesa no distrito de Santarém, está integrada numa das zonas mais bonitas de Portugal. Rodeada por serras, nascentes e ribeiras, proporciona paisagens de cortar a respiração e caminhadas revigorantes. A vila tem também um importante património histórico, artístico e cultural, que vale a pena conhecer. Pode ainda deliciar-se com a fabulosa gastronomia local num restaurante muito especial.

A natureza deslumbrante

É a fantástica zona natural a primeira qualidade que associamos à área em que está integrado o concelho de Mação. A vila está rodeada por várias serras, nomeadamente Bando dos Santos, Bando de Codes, Santo António, Amêndoa, Galega, Águas Quentes, Alfeijoeira, Casal e Moledo.

Leia ainda: Os passadiços do Penedo Furado trouxeram ainda mais encanto a Vila de Rei

A estas paisagens de sonho juntam-se dezenas de nascentes e ribeiras (Eiras, Coadouro, Boas Eiras, Pracana, Ocreza e Bostelim). E não nos podemos deixar de referir às barragens da Ortiga, da Pracana e do Espelho de Água.
Há ainda várias praias fluviais (as mais conhecidas são as de Cardigos e da Ortiga) e zonas de banhos aprazíveis.

O património histórico

Mação detém ainda um magnífico património histórico. A começar na arte rupestre da pré-história. O grande destaque são as gravuras rupestres junto à ribeira da Ocreza.

Na vila, não deixe de visitar o Museu de Arte Pré-histórica e do Sagrado no Vale do Tejo. Aqui vai poder ter noção das origens da agricultura e da arte no concelho. A exposição permanente “Do Gesto à Arte: Criar, Fazer, Comunicar”, inaugurada em 2015, debruça-se sobre a relevância do gesto na constituição da humanidade.

Pode também passar pelo ITM – Instituto da Terra e da Memória – que contribui para a projeção e defesa da identidade de Mação, através da preservação e divulgação dos saberes e tradições do território.

Castelo de Belver, um dos mais bonitos de Portugal

A apenas 15 quilómetros de Mação, mais concretamente em Gavião, fica o castelo de Belver, considerado um dos mais bonitos de Portugal. Foi o primeiro castelo edificado pelos Hospitalários no nosso país, a fim de defender o território raiano do vale do Tejo, e um dos mais imponentes que a Ordem construiu em Portugal ao longo da Baixa Idade Média.

Veja também: O roteiro perfeito de três dias pelo Centro de Portugal

Fica numa encosta de granito mesmo em frente ao Tejo, num cenário lindíssimo. É dos castelos mais completos da arquitetura militar medieval, simbolizando a luta pela independência e a reconquista cristã aos mouros. Lá dentro fica uma bonita capela, mas o melhor é mesmo a vista para a vila, desde uma altura de 500 metros.

Na Casa Mansinho há autênticas iguarias

No restaurante da Casa Mansinho, na Avenida Doutor Francisco Sá Carneiro, em Mação, vai provar verdadeiras iguarias regionais. O menu vai variando consoante os produtos disponíveis nos mercados e produtores locais. O que nunca muda são os magníficos enchidos e presunto regional como entradas. Bem como as migas com carne grelhada e o cozido à portuguesa como pratos principais. Para terminar, aconselhamos uma tigelada ou o arroz doce caseiro.

Percorra a galeria e veja mais imagens da vila de Mação.

< >

Partilhar Artigo

Top