Primavera: Época dos passeios pelo jardim!

Primavera: Época dos passeios pelo jardim!

Primavera: Época dos passeios pelo jardim!

Artigo de Redação

A primavera chegou, por isso não há motivos para ficar em casa. As flores, plantas e árvores ganham vida e cor, o que faz jardins e parques voltarem a ter o encanto e a beleza que a natureza pode trazer.

Pela Europa, existem vários lugares que se transformam com a chegada da estação, e com isso ganham outro encanto do que no resto do ano. Esses lugares são perto e baratos, podem ser umas férias de um fim de semana prolongado ou umas férias de passagem pelo lugar, no entanto se passar por estes jardins ou parques pode correr o risco de se perder no meio de tanto encanto.

Jardins de Monet em Giverny

Este Jardim era onde morava o pintor Oscar Claude Monet, ele comprou a casa e aos poucos foi cultivando o seu jardim que se transformou num dos melhores jardins da Europa. Este Jardim, fica a cerca de uma hora e meia de carro, de autocarro ou de comboio para quem está na capital de França, Paris. Possui uma grande variedade de flores incluindo Clos Normand, também tem um lago, com pontes e animais. No centro do jardim tem a casa do artista no qual se pode conhecer o artista não só como pintor. O jardim abre com a chegada da estação da primavera e encerra no fim de outubro.

Jardim do Castelo de Sissinghurst

Victoria Mary Sackville-Wes foi quem construiu este jardim, na década de 1930, quando se mudou para o castelo de Sissinghurst, estava tudo em ruínas, incluindo o jardim. Começou por limpar e construir secções para os vários tipos de plantas e flores, a mais conhecida é  a «sala» branca, que são todas as flores de cor branca. Este jardim encontra-se a cerca de uma hora e 30 do centro de Londres.

Foto retirada Sissinghurst Castle Garden

Jardins de Herrenhausen

Fica a duas horas de carro da cidade de Hamburgo, é um jardim com mais de 300 anos de história, por ser um jardim em estilo barroco, por isso atraí muitas pessoas, por ser um dos jardins em melhor estado de conservação e de juntar dois estilos, o barroco com o moderno. Uma das obras deste jardim é a Grande Fonte com 82 metros, sendo assim a fonte mais alta num jardim europeu e a Grande Cascata que foi construída em 1670.

Villa d’Este

Se visitar Roma tem de ir a este jardim que fica a uma hora do centro, se não alugar um carro, tem autocarro direto por apenas 2 euros. Este jardim tem mais de 500 fontes, piscinas ornamentais e vegetação, sendo considerado um dos poucos jardim renascentista do século XVI. Por isso é um bom passeio para fazer na primavera quando as temperaturas estão mais quentes.

Foto retirada Grand Luxury Villa D’Este

Partilhar Artigo

Top