Para a Gulbenkian, afinal os gostos discutem-se e com muita música pelo meio

Para a Gulbenkian, afinal os gostos discutem-se e com muita música pelo meio

Para a Gulbenkian, afinal os gostos discutem-se e com muita música pelo meio

Artigo de Redação

A Gulbenkian lança um novo desafio aos portugueses: falar sobre o que mais gostamos. Quais são as 10 melhores músicas para dançar ou quais os 10 acontecimentos culturais portugueses mais relevantes do século XXI? Este são só alguns exemplos do desafio.

O evento, que terá lugar dia 3 de novembro, junta personalidades como a cantora Capicua, Pedro Mexia ou Eduardo Souto de Moura que vão partilhar as suas listas de gostos. O dia termina com um espetáculo musical concebido por Mário Laginha, onde Mayra Andrade interpretará as Dez Canções Que Nos Salvam a Vida, no Grande Auditório da Fundação.

O Gosto dos Outros é uma conversa sobre opções e gostos. Comissariado por Nuno Artur Silva, o evento convida o público a discutir, nos inúmeros espaços da Fundação, os gostos de várias personalidades. As 10 melhores músicas para dançar, os 10 acontecimentos culturais portugueses mais relevantes do século XXI, os 10 melhores poemas que ninguém conhece ou as 10 cenas mais extraordinárias do cinema de sempre. As escolhas serão debatidas e percecionadas num evento que equaciona opções.

O evento acaba com uma atuação musical no Grande Auditório da Gulbenkian

Da sala da Poesia e dos Poemas, à sala das Imagens e das Imagens em Movimento, passando pela sala da Música, pela sala dos Risos e dos Sorrisos ou das Ideias e da Filosofia, sem esquecer a sala das Inspirações ou a da das Discussões. De sala em sala, as sessões serão moderadas por anfitriões como Anabela Mota Ribeiro, Aurélio Gomes, Filomena Cautela, Nuno Galopim ou Paula Moura Pinheiro, entre outros.

Ao longo do dia pode contar com a intervenção de personalidades tão diferentes como António M. Feijó, Capicua, António Pinto Ribeiro, Pedro Mexia, Kalaf, Rui Zink, Nuno Markl, Cristina Branco ou Eduardo Souto de Moura, entre muitos outros. O ponto de partida são sempre listas de 10, como, por exemplo, as 10 melhores músicas para dançar ou os 10 acontecimentos culturais portugueses mais relevantes do Século XXI.

O evento culminará com uma atuação musical concebida de propósito para este evento, em que Mayra Andrade e Mário Laginha (com Bernardo Moreira, Mário Delgado e Alexandre Frazão) interpretarão Dez Canções Que Nos Salvam a Vida, no Grande Auditório da Fundação.

Partilhar Artigo

Top