O que acontece às moedas deixadas na Fontana di Trevi, em Roma

O que acontece às moedas deixadas na Fontana di Trevi, em Roma

O que acontece às moedas deixadas na Fontana di Trevi, em Roma

Artigo de Redação

Diz o ditado que «Em Roma, sê romano», e por isso mesmo não há turista que se preze que não se dirija a esta cidade italiana e não cumpra uma das tradições: atirar a moeda ao ar para o interior da Fontana di Trevi.

Parece estranho? Mas não é! Todos os dias há uma verdadeira «chuva de moedas» na Piazza di Trevi, todas dirigidas para o interior da fonte mais famosa da cidade de Roma, em Itália.

Fontana Di Trevi, em Roma
Fontana Di Trevi, em Roma

A tradição

Diz a tradição que quem atirar uma moeda, vai voltar a visitar a cidade. Se for o caso de estar solteiro e atirar duas moedas, o amor da sua vida vai ser descoberto em Roma. Não sabemos ao certo se os desejos têm uma taxa de sucesso elevada, mas no meio disto tudo, há uma dúvida que se impõe: o que acontece ao dinheiro que é diariamente lançado para a Fontana di Trevi?

Não precisa de se preocupar! É que, para além de estar a contribuir para realizar os seus desejos, está ainda a ajudar associações. Isto porque, todas as semanas são retirados cerca de 13 mil euros da fonte, o que equivale a cerca de 700 mil euros por ano. Quem faz essa «limpeza» de moedas é a Cáritas, a organização oficial da Igreja Católica, que demora cerca de uma hora a recolher o dinheiro.

Posteriormente, esse dinheiro é distribuído por quem mais precisa.

E se pensa que alguém pode tentar roubar as moedas que são enviadas para a fonte mais famosa de Roma, então desengane-se, porque estão sempre polícias «à caça» e atentos ao que se passa no local.

Partilhar Artigo

Top