Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019

Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019

Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019

Artigo de André Cruz Martins

A “Lonely Planet”, uma das maiores editoras de guias de viagens do mundo, elegeu os 10 melhores destinos para visitar na Europa no verão de 2019. Existem opções para vários tipos de viajantes. Por exemplo para os que gostam de fazer caminhadas em montanhas escarpadas, ou de conhecer cidades que respiram história por todos os cantos. Os que preferem praia também vão ficar satisfeitos com as dicas da “Lonely Planet”, assim como os amantes de vinhos e gastronomia requintada.

  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
< >

Istria, Croácia

É uma península mágica na Croácia que ganha ainda mais encanto no verão. Tudo devido às magníficas praias com um mar com temperaturas agradáveis. As praias de Mulini e de Felsen são as mais conceituadas. No entanto, não desanime se não for grande apreciador de praia. A região é também um poço de cultura, possuindo locais que vale a pena explorar, nomeadamente o Anfiteatro Romano de Pula e a Basílica de Porec. Istra é ainda conhecida pelos fantásticos restaurantes finos e pelos festivais de música que ali acontecem no verão.

Vevey, Suíça

É uma cidade suíça localizada no cantão de Vaud. Em julho de 2019 vão estourar milhares e milhares de rolhas de garrafa nesta pequena localidade com apenas 16 mil habitantes. A “Fête des Vignerons” chega à cidade em julho e promete muita animação. Realizado apenas uma vez a cada 20 anos desde o século XVIII, este festival de vinho dura três semanas e atrai muitos milhares de pessoas de toda a Suíça e outros países.

Veja ainda: Estamos a organizar uma viagem a Marrocos e queremos que venha connosco

Para além de provas de vinho há concertos de música, exposições de arte e outros eventos. Localizada à beira do Lago de Genebra, Vevey distingue-se pela elevada quantidade de restaurantes de qualidade, para todos os bolsos. Durante este evento, há caríssimos menus de degustação com 20 pratos mas também fondue muito barato. Enquanto não está a comer e a beber, pode entreter-se a dar uns mergulhos no lago.

Liechtenstein

Gostaria de conhecer um país inteiro num único fim de semana? Então o Liechtenstein é o destino ideal. Em 2019, como parte das celebrações dos 300 anos da sua independência, foi inaugurado um trilho com 75 quilómetros que passa pelos 11 municípios deste Principado localizado no centro da Europa. O Liechtenstein é um lugar fascinante para se visitar e apesar de ser eminentemente rural, é muito abastado.

A 15 de agosto realiza-se a maior festa anual, pois comemora-se o Dia Nacional do Liechtenstein. É um dia de enorme festa na capital Vaduz e, sem exagero, pode dizer-se que todos os habitantes do Principado saem à rua para celebrar. Diga-se que não são assim tantas pessoas quanto isso (cerca de 35 mil).

Lyon, França

Lyon pode não ter a fama e as grandes multidões de Paris, mas tem muito para descobrir. Famosa pelas zonas ribeirinhas de Rhône e de Saône, é uma cidade ideal para visitar no verão. Por outro lado, é dos melhores destinos para os apreciadores de boa gastronomia. Os seus bistrôs e as suas boulangeries são lendários.

Veja também: Durma numa torre no País de Gales e acorde com esta vista incrível

É ainda uma cidade com intensa vida cultural, destacando-se pelos vários museus interessantes. Lyon irá ainda receber em julho de 2019 o Campeonato do Mundo de futebol feminino. E as autoridades locais foram recentemente notícia pelo grande elogio que receberam da União Europeia pelo esforço para tornar o turismo acessível a todos e sustentável.

Shetland, Escócia

Não são muitos os viajantes que chegam às ilhas Shetland, o ponto mais a norte do Reino Unido. No entanto, o esforço é recompensador para os poucos turistas que aqui se deslocam. Conseguem ter acesso a magníficos trilhos costeiros e à reserva natural de Harmaness, onde é possível observar inúmeras espécies animais.

Os bichos mais famosos no local são os póneis selvagens. Esta é ainda a região que garante ter o melhor peixe com batatas fritas do Reino Unido. E também nunca falta whisky de qualidade nos restaurantes e bares, ou não estivéssemos em terras escocesas.

Bari, Itália

Durante muitos anos, a cidade de Bari, no sul de Itália, era tida meramente como ponto de passagem para explorar a região de Puglia. Tudo mudou nos últimos anos e hoje em dia Bari está na moda. Onde antes havia lojas e restaurantes fechados, vislumbra-se agora uma grande atividade comercial e restaurantes familiares com comida típica italiana.

E a cidade também respira cultura, principalmente no teatro, com destaque para o Teatro Margherita, uma sala de espetáculos em art nouveau. E a vida noturna é tida como das melhores de Itália, com bares de cocktails em barda. E também não faltam belas praias em Bari.

Herzegovina, Bósnia e Herzegovina

Uma forma original de conhecer a região da Herzegovina é aproveitar um trilho ciclável, com o nome de CIRO. Este percurso cruza a região aproveitando uma velha linha férrea austro-húngara que liga as cidades de Mostar e Dubrovnik. Pelo caminho, os viajantes vão ficando alojados em velhas estações de caminhos-de-ferro.

Costa do Ártico, Islândia

A esmagadora maioria das pessoas que visita a Islândia concentra-se na área de Reykjavik e do famoso Círculo Dourado. São poucos os turistas que escolhem viajar mais para norte, mas a tendência parece estar a mudar. Percorrendo 800 quilómetros desde Hvammstangi, no oeste do país, até Bakkafjörður no leste, a rota “Arctic Coast Way” serpenteia entre 21 aldeias e quatro ilhas ao longo da costa norte.

Pelo caminho, deparamo-nos com maravilhas naturais que são a imagem de marca da Islândia. Há cachoeiras, montanhas, vulcões fumegantes e múltiplas oportunidades para praticar desportos de neve. E ainda podemos observar animais no seu habitat natural.

Madrid, Espanha

Madrid conseguiu dar a volta à crise económica com um estalar de dedos. É famosa pela fantástica vida noturna da cidade, considerada das melhores na Europa. A Calle de Ponzano é uma das melhores ruas para petiscar e beber uns copos. Nos últimos anos, Madrid tem dado cada vez mais importância a um estilo de vida sustentável.

Não perca: 10 praias onde o areal se funde na perfeição com a cidade

Tem-se assistido à disseminação de vias pedestres, ciclovias e aluguer de bicicletas. E circular de carro no centro da cidade é cada vez mais uma raridade. E até o histórico Museu do Prado ganhou uma nova vida graças a uma série de novas exposições inovadores e espetáculos de várias artes. Tudo para comemorar o bicentenário do museu.

Vysoké Tatry, Eslováquia

Yysoké Tatry é a cordilheira mais alta das montanhas dos Cárpatos e ocupa um lugar muito especial nos corações eslovacos. O topo tortuoso do Monte Krivá? (2495 metros de altitude) tornou-se um símbolo nacional na literatura e na cultura popular locais e alguns eslovacos entendem que escalá-lo é um desígnio nacional.

25 picos atingem mais de 2500 metros de altitude e as montanhas mais altas, com Gerlachovsky Stit (2654 metros) à cabeça, atraem a maioria dos caminhantes. Mas atenção, estes trilhos são apenas para verdadeiros aventureiros. Ao percorrer estas montanhas vai encontrar cachoeiras, prados alpinos e mais de 100 lagos. No inverno, a neve transforma os trilhos em pequenas propícias para a prática de esqui e outros desportos.

Percorra a galeria e veja mais imagens dos dez destinos da moda para conhecer no verão de 2019.

  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
  • Os 10 destinos europeus que estão na moda no verão de 2019
< >

Partilhar Artigo

Top