Bolívia é o país das montanhas com 5 mil metros de altitude e das fantásticas ruínas de civilizações passadas

Bolívia é o país das montanhas com 5 mil metros de altitude e das fantásticas ruínas de civilizações passadas

Bolívia é o país das montanhas com 5 mil metros de altitude e das fantásticas ruínas de civilizações passadas

Artigo de André Cruz Martins 26-12-2019

26-12-2019


A Bolívia é um país pouco divulgado internacionalmente, mas com muito para ver e fazer. Muito do seu encanto deve-se ao facto de se encontrar numa região que foi habitada por várias civilizações que existiam antes dos europeus chegarem à América do Sul. A capital La Paz é muito bonita e em seu redor ficam as magníficas ruínas de Tiahuanaco. E se tiver espírito aventureiro e desportivo, não deixe ainda de fazer uma excursão numa das montanhas da Cordilheira dos Andes.

A capital La Paz

La Paz fica num vale, sendo cercada por montanhas da Cordilheira dos Andes. É por isso um dos destinos mais frios na América do Sul. Isto porque as temperaturas não passam dos 20 graus, mesmo nos meses de verão. Na capital da Bolívia o moderno e as tradições indígenas encontram-se em cada uma das suas esquinas. E distingue-se por ser a capital mais barata de países da América do Sul.

Leia ainda: Peru, o país dos vulcões, dos grandes parques e da incrível capital Lima2019

Zona incontornável em La Paz é a Plaza Murillo, onde se encontra o Congresso, o Palácio Quemado (sede do governo boliviano) e a majestosa Catedral Metropolitana. E para conhecer a cultura local, nada melhor do que visitar o Mercado das Bruxas, onde estão à venda produtos exóticos e místicos. Por cerca de 5 euros pode provar em restaurantes bastante razoáveis delícias como bolas de carne e batata, sanduíches de chola com carne de porco e picles e muitos pratos com milho.

As ruínas de Tiahuanaco

Vários povos que habitaram a área atualmente ocupada pela Bolívia deixaram construções impressionantes, cujas ruínas podem ser admiradas nos dias de hoje. As Ruínas de Tiahuanaco são das mais emblemáticas e ficam perto do Lago Titicaca, a 72 quilómetros da capital La Paz. Encontram-se a cerca de 3.800 metros de altitude, num local anteriormente ocupado pela cidade pré-histórica de Tiahuanaco. Esta civilização teve o seu auge entre os anos 500 e 900, mas existem indícios de que já existia em 400 a.C. É considerada Património da Humanidade pela Unesco e encontra-se em bom estado de conservação.

As montanhas dos Andes

Ainda nos arredores de La Paz, existem várias montanhas que costumam estar cobertas de neve, na Cordilheira dos Andes. A mais conhecida, por ser a de mais fácil acesso é a montanha de Chacaltaya. Existem excursões para subir ao seu topo, a 5 mil metros de altitude. Pelo caminho, vai encontrando paisagens de cortar a respiração. Tem obviamente de estar preparado para o frio, usando várias camadas de roupa, gorro e botas de trekking.

Veja também: Estas são as maravilhas naturais mais impressionantes da América do Sul

Se for mais corajoso e estiver mais acostumado a estas aventuras, opte por Huayna Potosí. É uma montanha mais difícil de escalar. Ambas as excursões só deverão ser realizadas se já estiver em La Paz há pelo menos três dias e o seu corpo estiver minimamente acostumado à altitude.

Percorra a galeria e veja mais fotos da Bolívia.

< >

Partilhar Artigo

Top