Caño Cristales, o rio que parece um arco-íris é o mais bonito do mundo

Caño Cristales, o rio que parece um arco-íris é o mais bonito do mundo

Caño Cristales, o rio que parece um arco-íris é o mais bonito do mundo

Artigo de Redação

Fica na Colômbia o rio mais bonito do mundo. Chama-se Caño Cristales, atrai milhares de turistas todos os anos e é comparado a um arco-íris, por causa dos tons de vermelho, azul, amarelo, laranja e verde que apresenta. Com 100 km, é a planta aquática Macarenia Clavigera que cresce no rio que lhe dá esta cor única.

Colômbia, o destino que merece uma visita com a mochila às costas

 

A Colômbia é conhecida por motivos menos favoráveis como a falta de segurança e por ser um dos país que mais produz drogas. Porém, é um destino que tem muito mais para oferecer do que apenas isso. Situa-se na América do Sul e faz fronteira com países como: Brasil, Equador, Panamá, Peru e Venezuela. Também tem acesso via marítima através do Oceano Pacífico e o Mar das Caraíbas. A capital é Bogotá e a maior cidade da Colômbia, sendo o centro de todos os serviços de governo, administração, cultural, educação e desporto.

É o segundo maior país da América do Sul, atrás do Brasil. É o terceiro mais populoso a falar espanhol, visto que o México e Espanha são os que têm mais população a ter essa língua como oficial. Outra característica deste país é o facto das pessoas serem muito religiosas, sendo que mais de 95% são católicas.

História da Colômbia

Os primeiros habitantes deste país foram índios, visto que existem registos que remetem para 2.000 a.C.. A colonização começa realmente no ano de 1525, porém a primeira exploração foi em 1499, por Afonso de Ojeda e João Costa. O primeiro lugar a conhecer-se foi Santa Marta, depois em 1533 foi Cartagena das Índias. O interior veio em 1536 com a cidade de Popayán e Sanat Fé, que agora tem como nome Bogotá, em 1538.

Nesse mesmo ano, Gonzalo Jiménez de Ojeda derrota os índios e faz uma nova região: Nova Granada. Nessa zona encontravam-se países como a atual Colômbia, Venezuela, Equador e Panamá. Passado mais de 200 anos, em 1811, com o politico e militar Simón Bolívar é que houve a independência da Nova Granada. Mas só oito anos depois, em 1819, é que Bolívar cria a República da Colômbia, sendo a primeira constituição e o próprio o presidente.

No ano 1849 há uma grande mudança na Colômbia, porque nascem dois partidos: o conservador e o liberal. Que graças a ambos, passados 50 anos de existirem aconteceu a “Guerra dos Mil Dias”. Esta foi uma guerra que se iniciou em 1899 e acabou em 1903. A suposta “paz” foi de pouca dura e em 1948, ao assassinarem Jorge Eliecer Gaitán, o líder liberal, voltou a guerra entre ambos os partidos. Os conflitos só acalmaram, em 1964, com a criação das Forças Armadas da Colômbia (Frac).

Com os Frac a segurança melhorou, no entanto surgiu outro problema: narcotráfico. Desde dos anos 70 que a Colômbia é um dos maiores produtores de cocaína do mundo, com a ajuda dos Frac. O maior produtor de drogas do mundo, Pablo Escobar, nos anos 90, foi apanhado pela polícia. Porém, até hoje, o negócio continua e aumenta todos os dias.

Locais a visitar

Bogotá, a capital da Colômbia, é um dos lugares mais do que obrigatório para visitar. Aqui encontrará uma mistura da cultura antiga, com alguns edifícios mais modernos. A Candelaria, o Centro Histórico, é onde vai encontrar várias igrejas, capelas e casas com mais cores do que o arco-íris.

Cartagena das Índias também é uma das cidades mais importantes e visitadas na Colômbia. Foi das primeiras a ser colonizada, no entanto ainda tem muita cultura antiga. O Centro Histórico encontra-se no interior de muralhas que fazem parte do Património Mundial da Humanidade. Outras cidades que poderá também conhecer são Medellín, Salendo, Santa Marta, as ilhas del Rosario e San Andrés.

 

Percorra a galeria e veja mais fotos do rio Caño Cristales.

< >

Partilhar Artigo

Top