Ilhas Fiji: Amor e uma cabana

Ilhas Fiji: Amor e uma cabana

Ilhas Fiji: Amor e uma cabana

Artigo de Redação

O mar é o grande protagonista do arquipélago das Fiji, banhado pelo Pacífico Sul, no “quintal” da Austrália e da Nova Zelândia, um lugar perfeito para uma viagem a dois. Fartura de sol e praias desertas rodeadas por um “jardim” de coral e um mar azul-turquesa completam o cenário romântico.

< >

O clima maravilhoso, as praias e a paisagem deslumbrante convidam-nos a conhecer este magnífico arquipélago, de formação rochosa e de recifes. A tranquilidade, as praias com as suas águas transparentes e o magnífico espólio natural são maravilhosos, belos, encantadores.

O arquipélago de Fiji fica localizado no Pacífico Sul, cerca de três mil quilómetros a Leste da Austrália e 1930 quilómetros a Sul do Equador. Situadas no centro do oceano Pacífico, as Fiji são o primeiro país do Mundo onde se inicia um novo dia. São 230 mil quilómetros quadrados de paraíso. O arquipélago é constituído por 322 ilhas, mas apenas 105 são habitadas.Além de todas as belezas naturais, a população é uma mistura de povos locais antigos com influências europeias e orientais. Não é por acaso que toda essa parte exótica humana acabou por criar 15 palavras só para definir “paraíso”.

Este maravilhoso local é protegido do turismo de massa por causa dos 700 mil fijianos que consideram a sua terra sagrada, a qual não pode ser vendida a estrangeiros. Por isso, os hotéis são pequenos e elegantes, com poucos quartos e muitos chalés locais conhecidos por burês.

O que fazer

As Fiji são um paraíso para as atividades ao ar livre. Os inúmeros recifes que as ilhas possuem são perfeitas para a prática de desportos aquáticos. Algumas praias oferecem ótimas ondas para a prática do surf, embora seja preciso um barco para sair das zonas de recife e chegar à linha de rebentação.

Em terra firme pode andar de bicicleta, fazer trekking e montar a cavalo ou, então, observar as aves autóctones e explorar as várias estações arqueológicas.

Para quem gosta de caminhar o melhor é ir para o interior da ilha e conhecer o solo vulcânico, seguindo rumo a cascatas gigantes escondidas na floresta, sem falar das vilas isoladas. Uma grande aventura, repleta de belas paisagens.

Ilhas

As duas maiores ilhas são a Viti Levu (Nadi, Denarau, Coral Coast, Sunshine, Pacific Harbour e Suva) e a Vanua Levu (Savu Savu).

Na costa oeste de Viti Levu está o grupo de ilhas Mamanuca, a noroeste o grupo das Yasawa, ao sul as ilhas de Beqa e Kadavu e a leste de Vanua Levu as ilhas de Taveuni e Matangi,
entre outras menores.

Gastronomia

Há quatro tipos de cozinha: a local ou fijiana, a europeia, a chinesa e a hindu. A cozinha local é composta por pratos típicos preparados à base de peixe, marisco, fruta-pão, taro (dalo), cassava (tavioka), carne de vaca, arroz, frango, sumo de coco (lolo), fruta tropical (goiaba, abacaxi, manga) e várias folhas verdes, como as do taro (roro) ou as de feto. Qualquer comida fijiana deve incluir carne ou peixe, folhas de taro fervidas, rociadas com creme de coco e cassavas fervidas como guarnição. A comida hindu é fortemente temperada e consiste em carne ao curry com arroz, sopa de lentilhas e roti (um tipo de pão). Os pratos chineses costumam ser mexidos de carne e verduras fritas, arroz e alguns pratos picantes com curry. Os fijianos comem, nas suas casas, com as mãos e sentados no chão. Se um visitante é convidado a comer, oferecem-lhe em abundância, embora a família seja pobre. Em reciprocidade, o visitante deve levar alguns alimentos comprados nas lojas do povo.

Artesanato

O artesanato local é variado e oferece boas oportunidades de levar atrativas lembranças para casa. As peças clássicas do artesanato fijiano são os paus de guerra, garfos, bolos de yaqona, conchas, sândalo, sabonete de coco, peças esculpidas em coral e tecidos tapa em forma de postais ou cartazes. Há também peças de olaria. Deve evitar comprar instrumentos de carei ou similares extraídos da tartaruga, pois o seu comércio está proibido. O tecido típico a adquirir é o sulu, uma tela retangular de dois metros de largura, uma espécie de pareo muito colorido. Entre o artesanato hindu pode-se obter coloridos saris (túnicas para a mulher) e joalharia.

Curiosidades

O povo de Fiji é considerado um dos mais felizes do Mundo. Os rituais culturais são levados a sério. Caso seja convidado a visitar uma aldeia, vista roupa simples (não use chapéu e roupa que mostre a barriga ou os ombros) e tire os sapatos ao entrar numa casa. Se o convidarem a participar no ritual da kava, não pergunte do que se trata, apenas beba. Também é costume, quando visita uma aldeia, levar um presente, de preferência, que seja um pouco de kava (uma raiz).
A região Norte é considerada um dos melhores lugares do Mundo para mergulhar. Namena, uma pequena ilhota e parque nacional, é considerada um dos locais mais intocáveis do Mundo, ou seja, é quase zero a interferência do Homem no ecossistema.

< >

Guia do viajante

Onde ir

Taveuni
Ilha de Bequa
Ilhas Yasawa
Ilhas Mamanuca
Suva
Sigatoka
Nausori Highlands

Onde comer

Bulaccino Cafe & Hemisphere Bar
V Restaurant at Sofitel Fiji Resort
Ashiyana

Onde ficar

Taveuni Palms Resort
Mai Dive – Astrolabe Reef Resort
Namale the Fiji Islands Resort & Spa

Clima

Tropical húmido e temperado. As Fiji são um ótimo destino em qualquer altura do ano, mas o ideal é visitar o país durante a estação seca, entre maio e outubro – as temperaturas são mais frescas, há menos humidade e chuva, além de menores possibilidades de ocorrerem ciclones.

Documentos

Os cidadãos nacionais deverão apresentar para a emissão do visto de turista passaporte com validade mínima de seis meses, posse da passagem aérea de retorno a Portugal e prova de meios financeiros. Atualmente, não há exigência de visto ao turista que permaneça no país por menos de 90 dias.

Outras Informações

Moeda: Dólar fijiano. Idioma: Existem três línguas oficiais – o fijiano, idioma dos habitantes nativos das ilhas, o inglês, devido à colonização britânica no século XIX, e uma variante do hindi chamada de hindi fijiano, trazida por imigrantes indianos. Fuso horário: + 12 horas Saúde e vacinação: Recomenda-se a vacinação contra a hepatite A, tifo, poliomielite, difteria e tétano. Aconselham-se, igualmente, roupa que cubra todo o corpo e repelentes contra moscas e insetos, que transmitem enfermidades viróticas. Serviços de assistência médica segundo os padrões europeus não estão garantidos em todas as ilhas. É importante possuir um seguro de saúde válido em todo o Mundo e que assegure explicitamente a repatriação de Fiji ou transferência para um outro país, em casos de emergência. Além disto, recomenda-se o consumo de água engarrafada sem acrescentar gelo; os frutos devem ser descascados e as verduras e legumes cozidos. Visto haver perigo de infecção, deve-se levar também um pequeno kit de remédios.

Partilhar Artigo

Top