Verona, a cidade de Romeu e Julieta e dos fantásticos edifícios históricos

Verona, a cidade de Romeu e Julieta e dos fantásticos edifícios históricos

Verona, a cidade de Romeu e Julieta e dos fantásticos edifícios históricos

Artigo de André Cruz Martins

Verona, cidade no norte de Itália com cerca de 250 mil habitantes, ficou famosa pela trágica história de Romeu e Julieta, da autoria de William Shakespeare. As evidências apontam para que se trate apenas de uma peça de teatro, mas em Verona crê-se que este romance aconteceu mesmo, nos primeiros anos do século XIV. Truque para enganar turistas ou não, a verdade é que milhares de pessoas são atraídas todos os anos a Verona por causa desta história. E como não poderia deixar de ser, há vários lugares relacionados com esta peça de teatro.

As Casas de Julieta e de Romeu

A Casa de Julieta é uma das atrações mais conhecidas de Verona. É possível visitá-la e a intenção é retratar uma casa medieval, com objetos e móveis da época. Existe ainda uma estátua de bronze de Julieta. A poucos quarteirões, fica a casa de Romeu, mas não está aberta a visitas. Por isso, o máximo que pode fazer é admirá-la por fora. Pode ainda visitar o túmulo de Julieta, que fica a 15 minutos do centro da cidade, no antigo Mosteiro de San Francesco al Corso, na Via del Pontiere.

A fantástica Arena e outros edifícios históricos

Verona é uma cidade com muitos edifícios com grande valor histórico. A atração mais conhecida é a Arena, que fica na Piazza Brà, uma das praças centrais. Trata-se de um anfiteatro do ano 30 a.C. que se encontra mais bem conservado do que o Coliseu de Roma. De tal forma que nos dias de hoje ainda acolhe alguns espetáculos.

Leia ainda: Matera, a cidade italiana que é famosa por causa de cavernas

Ali ao lado fica a Piazza delle Erbe, uma praça que conta sempre com muita animação e onde não faltam restaurantes e cafés com esplanada. E se continuar a caminhar vai ter à Piazza dei Signori. É aqui que se encontra o Palácio do Governo, com a Torre dei Lamberti e os túmulos medievais dos Scaligeri, que governaram a cidade entre 1260 e 1387.

O Castelvecchio e os dois pratos mais típicos

Em Verona não pode deixar de visitar o Castelvecchio, uma típica construção milita. Conta com um fosso, que foi usado para tirar água do rio Adige, pontes levadiças e uma ponte fortificada, a Ponte Scaligero. O castelo divide-se em duas partes: a leste da Piazza d’Armi, está cercado por muros com ameias e rodeado por 7 torres. A oeste fica o palácio residencial, que tem o nome de La Reggia. No interior conseguiu-se preservar uma parte das antigas muralhas do período romano.

Veja também: Paraty, o destino brasileiro que é um poço de cultura e famoso pela gastronomia

Seria um sacrilégio que numa cidade italiana não fizéssemos referência à sua gastronomia. O Gnocchi é o prato mais típico de Verona. Trata-se de um tipo de pasta feito à base de batata. Outra delícia é a Pastissada de Caval, à base de carne de cavalo picada com legumes. É servido com polenta, outro prato muito comum no norte da Itália.

Percorra a galeria e veja mais fotos de Verona.

< >

Partilhar Artigo

Top