Deu a volta do mundo para fotografar tubarões e as melhores imagens estão no Oceanário de Lisboa

Deu a volta do mundo para fotografar tubarões e as melhores imagens estão no Oceanário de Lisboa

Deu a volta do mundo para fotografar tubarões e as melhores imagens estão no Oceanário de Lisboa

Artigo de Sofia Sérgio

Até dia 6 de janeiro, uma das mais conhecidas exposições da National Geographic, “Shark, uma missão Brian Skerry”, vai estar no Oceanário de Lisboa.

Pela primeira vez este projeto saidos Estados Unidos da América e vem diretamente para o centro da capital portuguesa. O objetivo desta exposição é dar a conhecer a vidas dos tubarões e os perigos que eles estão a enfrentar: a extinção.

A paixão que Skerry tem, há mais de 30 anos, pela vida marinha levou-o a dar 14 voltas ao mundo, sendo que foram mais de 10 mil horas de mergulho. O fotógrafo e fotojornalista exibe 50 fotografias únicas, dando a perspetiva dos maiores predadores do oceano. Como devemos protegê-los, como é que eles vivem e como devemos apreciá-los em vez de termos medo.

Tudo começou na costa de Rhode Island, nos EUA. Quando estava apenas na praia e apareceu um tubarão-azul: “Todos os meus sentidos ficaram em alerta. O meu coração acelerou à medida que me aproximei até cerca de um metro de distância. O tubarão, mal reparou na minha presença, desapareceu”. Começou então a fotografar esta espécie, sendo que no projeto encontram-se tubarões como o branco, azul e tigre.

São 50 fotografias únicas, dando a perspetiva dos maiores predadores do oceano

“Com esta fantástica exposição, o Oceanário de Lisboa pretende promover o conhecimento sobre os tubarões e reforçar a urgência em preservar a biodiversidade marinha. Esta exposição é uma excelente representação das ameaças existentes e esperamos, através das imagens, transmitir a necessidade de alteração de comportamentos, em prol da conservação do oceano.” estas foram as palavras pelo CEO, João Falcato, quando a exposição se iniciou.

Para viajar no mundo dos tubarões é necessário bilhete, que pode obtê-lo aqui, ou na entrada do Oceanário. As crianças até aos três anos não pagam, os jovens e pessoas com mais de 65 anos pagam 10,80 euros e os adultos pagam 16,20€.

Percorra a galeria para ver um pouco destes animais.

< >

Partilhar Artigo

Top