Atenção, jogadores de poker: eis Melbourne, a Las Vegas do futuro!

Atenção, jogadores de poker: eis Melbourne, a Las Vegas do futuro!

Atenção, jogadores de poker: eis Melbourne, a Las Vegas do futuro!

Artigo de Redação 29-09-2020

29-09-2020


Todas as desculpas para viajar são boas, e os jogadores de poker têm mais do que motivos para ficar a conhecer a belíssima cidade de Melbourne, na fascinante e distante Austrália. O poker tem-se vindo a tornar num dos jogos favoritos dos portugueses, sendo que em Portugal se contam com cada vez mais jogadores amadores e profissionais da modalidade. De acordo com os dados emitidos pela Sociedade de Regulação e Inspecção de Jogos, os portugueses gastaram aproximadamente 1,000 milhões de euros em jogos de poker e derivados em 2020. Os jogos de texas holdem na 888 são hoje em dia mais concorridos do que nunca, indicando que a maior parte dos portugueses prefere jogar poker através da Internet. No entanto, uma mesa de jogo real é sempre mais atraente do que um cenário virtual, especialmente quando se tem possibilidade de jogar poker numa cidade tão envolvente e excitante como a cosmopolita Melbourne…

Melbourne: a Las Vegas de uma nova geração?

Melbourne não é o único grande destino mundial para os jogadores de poker. A cidade australiana do estado de Vitória, de resto, só mais recentemente se tornou conhecida pela sua fascinante cena de jogo local. Bem longe da Austrália, os destinos favoritos dos jogadores de poker continuam a ser Las Vegas e, claro está, Macau. No estado do Nevada, nos Estados Unidos, a cidade de Las Vegas continua a oferecer uma ímpar oferta de casinos e casas nocturnas de jogo. Mais perto do continente da Oceania, a região autónoma chinesa de Macau (que deve muito a Portugal) afirma-se por sua vez como a grande capital do jogo mundial. Em Macau, os turistas e jogadores encontram o melhor rácio de casinos por metro quadrado de todo o mundo. Face a estes gigantes do poker e dos casinos, vale mesmo a pena visitar Melbourne para tentar a sorte nas cartas?

A cidade australiana continua a ser mais reconhecida pela sua excitante cena estudantil, oferta cultural fantástica, e bonita zona costeira. Mas basta uma pesquisa rápida pela Internet para perceber que Melbourne se está a tornar muito rapidamente numa espécie de Las Vegas de nova geração. Em Melbourne, fãs do poker podem visitar o Crown Casino, que se encontra aberto 24 horas por dia, 7 dias por semana, e que oferece mesas de poker para todos os gostos e carteiras. Além disso, Melbourne conta com várias pequenas casas de jogo e torneios amadores periódicos em muitos dos bares da cidade. Com uma vida nocturna que faz inveja à de cidades como Berlim ou Miami, Melbourne não podia deixar de ser uma cidade ideal para fazer uma pequena fortuna num lance de sorte no casino. Experientes jogadores de poker fazem ainda menção à popular cena de “Pub Poker” de Melbourne, que oferece a turistas e locais a possibilidade de jogar às cartas num registo mais amigável.

Ofertas para todos os gostos

Mas Melbourne não é apenas a nova capital mundial do poker. É também muito mais do que isso. Caso esteja a viajar com amigos ou familiares que não se interessam pelas cartas, existem muitas coisas que se podem fazer nesta excitante cidade moderna. Já referimos a sua vibrante cena estudantil, potenciada pela Universidade de Melbourne, uma das mais conceituadas da Austrália. Falámos também da sua cena cultural. Graças a um forte investimento do estado, Melbourne conta com vários museus, galerias de arte, e casas nocturnas que agradarão mesmo ao seu amigo mais “hipster”. O Museu de Melbourne é particularmente recomendável, já que oferece a oportunidade de visitar uma colecção enorme de história natural e cultural; além disso, situa-se nos encantadores Jardins Carlton, que são por si só dignos de uma visita.

De forma pouco surpreendente, Melbourne tem-se tornado num dos mais populares novos destinos turísticos em todo o mundo. Mas a cidade não é apenas ideal para estrangeiros. Viver em Melbourne é considerado um luxo, sendo que a cidade foi considerada a melhor cidade para se viver durante 7 anos consecutivos, entre 2010 e 2017, como aqui apontado pela ABC News. Com mais de 4 milhões de habitantes, Melbourne também vale pelos habitantes locais. Se Sydney é a capital administrativa da Austrália, Melbourne pode com justiça ser considerada a capital cultural do pais oceânico.

Uma breve história de Melbourne

A cidade de Melbourne foi fundada em 1835 e começou por ser desenvolvida por ambiciosos pesquisadores de ouro, que frequentaram a cidade durante várias décadas ao longo do século XIX. Entre 1901 e 1917, Melbourne foi temporariamente denominada a capital da Austrália; mas foi só após o término da II Guerra Mundial que o Governo Australiano decidiu apostar a sério na edificação de uma Melbroune moderna e metropolitana. Chegou à cidade muito investimento nacional, assim como vários investidores estrangeiros (vindos principalmente da China e do Japão). Em 1956, Melbourne foi escolhida para realizar e organizar os Jogos Olímpicos de Verão de 1956, e aproveitou a oportunidade para se dar a conhecer ao mundo. Hoje, mais de 50 anos depois, é considerado um das mais envolventes e convidativos destinos turísticos do mundo.

Partilhar Artigo

Top