7 destinos internacionais para uma passagem de ano em grande

7 destinos internacionais para uma passagem de ano em grande

7 destinos internacionais para uma passagem de ano em grande

Artigo de André Cruz Martins

Para muitas pessoas, o Réveillon é a noite mais importante do ano. E por isso fazem planos com meses de antecedência para que tudo corra na perfeição. Há quem prefira o conforto do próprio lar, quem goste de festejar em casa de amigos e quem adore juntar-se à multidão nas ruas, mesmo que esteja um frio de rachar.

Para os mais aventureiros, nada melhor do que uma viagem ao estrangeiro, para viver a magia das noites de passagem de ano mais famosas do mundo. Se for este o seu caso, descubra sete dos melhores destinos internacionais para passar uma noite inesquecível.

Dublin (República da Irlanda)

Os irlandeses são possivelmente o povo europeu mais acolhedor e animado. Por isso, não constituiu surpresa que Dublin, capital da República da Irlanda, seja um dos melhores destinos para viver uma fantástica noite da passagem de ano. No centro da cidade é sempre organizado o New Years Festival, com concertos de bandas e Dj’s ao vivo. E não faltam muitos espetáculos de luzes, fogo-de-artifício e comida de rua.

Nova Iorque (Estados Unidos)

Quem nunca ouviu falar da noite da passagem de ano em Times Square e da famosa contagem decrescente até se ouvir as doze badaladas? Esta tradição começou em 1907 e junta mais de 1 milhão de pessoas todos os anos. Em Nova Iorque há concertos de bandas e músicos famosos, muitos balões, confetis e fogo de artificio. E um ambiente muito animado, a roçar a histeria.

Edimburgo (Escócia)

As festas do Réveillon em Edimburgo duram uma semana. E nos dias que antecedem o primeiro dia do ano, os vizinhos visitam a casa uns dos outros, levando bolo, biscoitos e whisky. Na noite da passagem de ano, quase todas as pessoas saem há rua, mesmo que esteja um frio de rachar. Há concertos de música ao vivo, ecrãs gigantes e um grandioso espetáculo pirotécnico que ilumina o Castelo de Edimburgo.

Berlim (Alemanha)

O Réveillon em Berlim não foge à regra dos espetáculos de fogo- de-artifício e de muita animação de rua. Tem no entanto uma curiosidade. No bairro de Grunewald, é organizada uma corrida de 15 quilómetros na noite a passagem de ano. Mas não se trata de uma corrida qualquer: o objetivo é ir fazendo o percurso enquanto se atira uma panqueca ao ar. Ganha quem cumprir o percurso em menos tempo e sem deixar a panqueca cair.

Leia ainda: Estes são os melhores cruzeiros para dar a volta ao mundo em 2020 e 2021

Tóquio (Japão)

Em Tóquio, as celebrações de Ano Novo começam a 29 de dezembro e só terminam a 4 de janeiro. Na noite da passagem de ano, milhares de pessoas juntam-se em frente à Torre de Tóquio, onde acontece o tradicional fogo-de-artifício. À meia noite, os sinos de todas as igrejas tocam 108 vezes para dar boas-vindas ao novo ano, simbolizando a prosperidade.

Rio de Janeiro (Brasil)

Se nunca teve a experiência de passar o Réveillon de manga curta e calções (ou saia) o Rio de Janeiro será uma excelente estreia. A Praia de Copacabana é um dos locais mais animados e milhares de pessoas juntam-se para celebrar com os pés na areia. Há muita música e um impressionante espetáculo de fogo-de-artifício. Na cidade carioca existe a tradição de vestir de branco nesta noite, pois esta cor simboliza a paz que se pretende para o novo ano.

Sydney (Austrália)

Sydney, a cidade mais conhecida da Austrália, é outro fantástico destino com temperaturas quentes para passar esta noite especial. Na baía que fica perto da famosa Harbour Bridge juntam-se mais de 2 milhões de pessoas, num ambiente de muita animação. O ponto alto são os incríveis fogos-de-artifício. Se preferir evitar a multidão, pode fazer uma festa privada nos barcos que circulam na baía.

Percorra a galeria e veja mais fotos destes destinos para passar o ano.

< >

Partilhar Artigo

Top