As razões que fazem de Dinant uma das cidades a não perder na Bélgica

As razões que fazem de Dinant uma das cidades a não perder na Bélgica

As razões que fazem de Dinant uma das cidades a não perder na Bélgica

Artigo de André Cruz Martins

Dinant é uma pequena cidade que fica na província de Namur, região da Valónia, na Bélgica. Localizada a 90 quilómetros a sudeste de Bruxelas, encontra-se nas margens do Rio Meuse. É considerada uma das cidades belgas mais bonitas e cada recanto respira história. A estrada que leva ao centro da cidade passa pela fenda de uma enorme rocha. É logo a seguir a esse rochedo que nos deparamos com a Cidadela. Um paredão de pedra com 100 metros de altura dá à cidade um aspeto imponente. No topo do paredão encontra-se a fortaleza que durante séculos protegeu a cidade.

Leia ainda: Buenos Aires, a cidade mais elegante da América do Sul

Quando entramos na Cidadela parece que recuámos vários séculos. Observe as austeras paredes de pedra e visite os salões e o pátio interno, onde estão expostos alguns canhões e bolas de ferro. Em volta do pátio há pequenas lojas de souvenirs. Para aceder à Cidadela de Dinant, nada melhor do que fazê-lo de teleférico, enquanto vai observando uma vista magnífica. Foi terminado em 1956 e reformado em 1997.

A Igreja de Notre Dame, o grande símbolo da cidade

A igreja de Notre Dame é o grande símbolo de Dinant. Foi construída no século XII, em estilo românico. Em 1227 foi muito danificada depois de ser atingida por pedras que caíram da encosta da montanha onde fica. a reconstrução recebeu contornos de arquitetura gótica. A sua história confunde-se com a história da cidade, tendo sofrido vários ataques e saques ao longo dos séculos. E até foi em parte destruída devido a um incêndio na Primeira Guerra Mundial. Mas a tudo resistiu, sendo várias vezes restaurada. Hoje em dia, podemos observar elementos góticos no seu interior e um lindo vitral, um dos maiores na Europa

Maison Leffe, o Museu da Cerveja

A Bélgica é um dos principais produtores de cerveja do mundo. É em Dinant, no topo de uma colina, que se situa a Maison Leffe, o museu da Leffe, uma das mais conhecidas marcas de cerveja do país. Trata-se de um museu interativo que conta a evolução da cerveja na Bélgica desde a primeira que foi produzida, no ano de 1240. No final da visita, surge a degustação, a parte mais ansiada pela grande maioria dos visitantes. É possível provar três dos oito tipos de cerveja Leffe produzidas.

Museu do Saxofone

Foi em Dinant que nasceu Adolphe Sax, o inventor do saxofone. É por isso que existem vários monumentos e esculturas deste instrumento espalhados pela cidade. E também existe o Museu do Saxofone, que foi construído na própria casa onde Adolphe Sax viveu. Apesar da sua pequena dimensão, é muito interessante, contando com vários exemplares de saxofones ao longo dos anos e informações sobre a vida do seu inventor.

Passeio de Barco pelo Rio Meuse

Um dos melhores programas em Dinant é fazer um passeio de barco pelo Rio Meuse, enquanto se observa a bela paisagem circundante. Existem dois tipos de passeio: o que tem a duração de duas horas custa 14 euros e os barcos só partem às 14h00. Já os passeios de 45 minutos custam oito euros e as embarcações partem de hora a hora. Um dos principais monumentos de Dinant é a estátua que homenageia o General Charles de Gaulle. É nesse local que é tirada a fotografia cartão postal da cidade, com vista para o rio, a igreja de Notre Dame e a Cidadela.

Percorra a galeria e conheça algumas das atrações e atividades a não perder nesta cidade da Bélgica.

  • As razões que fazem de Dinant uma das cidades a não perder na Bélgica
  • As razões que fazem de Dinant uma das cidades a não perder na Bélgica
  • As razões que fazem de Dinant uma das cidades a não perder na Bélgica
  • As razões que fazem de Dinant uma das cidades a não perder na Bélgica
  • As razões que fazem de Dinant uma das cidades a não perder na Bélgica
  • As razões que fazem de Dinant uma das cidades a não perder na Bélgica
  • As razões que fazem de Dinant uma das cidades a não perder na Bélgica
< >

Partilhar Artigo

Top